Elementos de Contraposição à Cidadania Burguesa nas Práticas Pedagógicas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST)

Cláudia Maria Bernava Aguillar

Preço normal R$ 40,00

Neste momento em que o Brasil vivencia a nova fase de destruição dos direitos historicamente conquistados pelos trabalhadores, a criminalização dos movimentos sociais e a ideologia totalitária da escola sem partido, que engessa ainda mais a educação escolar na formação de mão de obra para o mercado capitalista, compreender os problemas e acertos do MST no movimento de construção de uma pedagogia contracidadania burguesa faz-se necessário àqueles que buscam mudanças concretas que se contraponham à lógica do capital.


Em síntese, assim como é importante para os dirigentes e professores do MST a clareza das práticas pedagógicas, em alguns momentos totais e em outros parciais, contra-hegemônicas ou, nesse trabalho, contracidadania burguesa, também o é para os professores das escolas oficiais engajados na superação da alienação objetiva, sobretudo para o Movimento Operário e Popular (MOP) na elaboração da cidadania da classe trabalhadora, isto é, na emancipação dos trabalhadores como movimento dos próprios trabalhadores.